Sinestesia: decoração para estimular os 5 sentidos

O cérebro humano possui 5 grandes sentidos: paladar, visão, tato, audição e olfato. Quando dois – ou mais – desses sentidos se cruzam e causam uma sensação diferente, você está experimentando uma percepção sinestésica. Mas como aplicar a sinestesia na decoração e planejar ambientes únicos, que estimulem os sentidos? Confira nossas dicas e entenda um pouco mais sobre como funciona esse fenômeno neurológico tão especial!

O que é a sinestesia?

Você já sentiu o sabor de um cheiro? Já conseguiu visualizar a cor de um som? Ou quem sabe… Já sentiu o “cheiro verde” das florestas, a “brisa macia” ao fazer uma caminhada ou o “acolhimento” de um café quentinho? Essas são algumas experiências causadas pela sinestesia e, apesar de ela ser extremamente subjetiva e pessoal, pode ser muito bem explorada na arquitetura e na decoração.

Ajudando a aguçar os sentidos e a criar conexões afetivas com os ambientes, as sensações sinestésicas promovem percepções únicas e, por muitas vezes, difíceis de serem explicadas por palavras. Mas é possível dar bons exemplos:

Vamos falar sobre o café. Ele é um ingrediente com cheiro e gosto, certo? Assim, na teoria, ele estimula o olfato e o paladar. Porém, as sensações que ele causa não param por aí. Para muitas pessoas, o ato de tomar um café quente traz a sensação de acolhimento, estimulando o tato. Ainda, outras, ao tomarem um café, conseguem enxergar a cor terracota ou marrom, que também traz a sensação de estar mais conectado com a natureza.

Outro exemplo fácil de ser entendido é com a audição. Por exemplo, se você colocar uma música para tocar e fechar os olhos, consegue enxergar alguma cor? Sentir alguma percepção que vá além da audição?

Esses são apenas dois exemplos de como pequenas ações do nosso dia a dia podem causar sensações sinestésicas. E você, tendo esse conhecimento em mãos, pode utilizar revestimentos, cores, acessórios e demais elementos da decoração para promover esse fenômeno e estimular o seu cérebro.

Sinestesia na decoração: explorando os sentidos

O mais legal de tudo é que a sinestesia na decoração é extremamente versátil e pode ser utilizada em qualquer ambiente, sempre em busca de transmitir as sensações condizentes com aquele espaço.

Se a meta é planejar um cômodo que visa estimular o paladar das pessoas – na cozinha ou em um estabelecimento comercial do setor alimentício, por exemplo – existem cores, texturas e acessórios decorativos que ajudam nisso. Já se o objetivo é aguçar o tato, o olfato ou os outros outros sentidos, também existem outras sugestões a serem seguidas. Confira:

Paladar

Se você quer criar um ambiente sinestésico que estimule o paladar, aposte em cores e texturas que trazem esse sentido à tona e despertem a vontade de comer algo saboroso. Um bom exemplo pode observado na nossa coleção Drops, feita com candy colors.

Composta por cinco tons – anismentatutti frutticitrus e uva – e por peças no formato english brick, a linha é inspirada na paleta ‘cravings’, da Pantone, que classifica essas cores como “uma tentação às suas papilas gustativas”. Ainda, o próprio nome da paleta já tem uma tradução bem sugestiva, podendo ser traduzida para o português como “desejos”. Muita cor e sabor para o seu ambiente!

Visão

Se você quer aplicar a sinestesia na decoração estimulando a visão, uma sugestão é utilizar a tecnologia de impressão HD, que é capaz de emular texturas e relevos tão perfeitos quanto os materiais naturais. Os revestimentos são capazes de gerar uma curiosidade tão grande para a visão que, inconscientemente, impelem ao toque!

Um bom exemplo dessas peças são aquelas mais rústicas, como as que podem ser observadas na nossa linha Álamo. Essa coleção reproduz de maneira fiel a rusticidade da madeira, valorizando os seus veios, texturas e nuances desorganizadas que, quando impressas no porcelanato com efeito lixado, oferecem um visual único e um toque acolhedor tal qual o da madeira natural.

Tato

O sentido do tato é aquele relacionado com o toque, com o sentir na pele as sensações de cada ambiente. Assim, para garantir que um espaço transmita a sensação de “toque” desejada, uma sugestão é apostar no uso das cores e texturas que vão colaborar para criar um local mais divertido, leve, romântico, quente, frio, aconchegante, exuberante… Depende do seu objetivo!

Por exemplo: os concretos, mais contemporâneos, transmitem uma sensação mais fria. Já os revestimentos amadeirados causam uma sensação de acolhimento. Quando combinados, esses dois estilos de decoração podem resultar em um ambiente equilibrado, moderno e aconchegante ao mesmo tempo.

Outra forma de estimular o tato no ambiente é apostar nos revestimentos que imitam mármore. Eles remetem à elegância e trazem ao ambiente a sensação de opulência e luxo, promovendo uma sensação sinestésica memorável. Uma amostra pode ser observada na nossa linha Calacata, que traz variações de faces que aproximam os revestimentos da pedra natural.

Audição

Para acertar na decoração sinestésica, também vale prestar atenção nos itens de decoração que ajudem a deixar o ambiente mais tranquilo, em paz, e que estimulem a audição.

Fontes de água que produzem barulhos reconfortantes e remetem à natureza são ótimas opções. Também, mandalas e sininhos pendurados na janela ajudam a promover a tranquilidade no espaço e a estimular não somente a audição, mas também a visão.

Outra sugestão é a de pendurar pêndulos transparentes e preenchidos com água nas janelas. Eles, quando atravessados pela luz solar, transmitem um arco-íris no cômodo. A sensação de acolhimento é completa! Ah, e caso o barulho da rua comprometa muito a qualidade de vida e haja a possibilidade, que tal investir em janelas à prova de ruídos?

Olfato

As plantas aromáticas, além de deixarem o ambiente visualmente atraente e trazerem o toque da natureza para dentro de casa, também transmitem um aroma delicioso. Por isso, não hesite em usar e abusar das flores no espaço – sempre optando por aquelas que se adaptam melhor a cada ambiente, levando em consideração a quantidade de água e de luz solar que elas precisam para viver.

Além do próprio cheiro das flores, o perfume da terra molhada promovido por elas também pode te causar uma sensação sinestésica única, te transportando para a floresta sem precisar sair de casa. Para acertar em cheio nas plantas escolhidas para decorar o seu espaço, veja o artigo “Paisagismo residencial: conheça a técnica de plantscaping”, em que falamos mais sobre isso.

Aplique a sinestesia na decoração e explore os seus sentidos. Aposte nas nossas dicas, crie combinações únicas e permita-se sentir o que cada ambiente transmite!