Conheça as iniciativas sustentáveis da Incepa

A Incepa, marca que faz parte do grupo Roca Brasil Cerámica, está constantemente promovendo melhorias em seus processos com o objetivo de reduzir seus impactos ambientais. Um grande exemplo é o fato de ter sido a primeira empresa da área a realizar a Análise do Ciclo de Vida dos produtos.

Dessa forma, é possível trabalhar com ecoeficiência, unindo responsabilidade ambiental e inteligência de mercado. Como resultado, obtêm-se produtos que agregam benefícios à qualidade de vida do usuário e, ao mesmo tempo, respeitam e otimizam os recursos naturais.

Confira abaixo outras iniciativas sustentáveis desenvolvidas pela Incepa!

Iniciativas de sustentabilidade

01. Reutilização da água

A água é um dos recursos naturais mais usados para a confecção de pisos cerâmico; por esse motivo, merece atenção redobrada. Sabendo disso, a Incepa implementou Estações de Tratamento de Água (ETA) e Estações de Tratamento de Efluentes (ETE) em sua Unidade Industrial. Assim, conseguem tratar e reutilizar 100% da água durante o processo de fabricação das peças.

Além disso, a participação no programa da Fundação Internacional WE ARE WATER permitiu uma redução de 18% da quantidade de água utilizada nos processos.

Estação de Tratamento da Água

02. Promoção da saúde e bem-estar

Os produtos cerâmicos não emitem compostos orgânicos voláteis (COV’s ou VOC’s), o que garante segurança para os usuários e possibilita que as peças, quando descartadas corretamente, não prejudiquem o meio ambiente.

Para a manutenção dos produtos não é necessário o uso de substâncias químicas. Dessa forma, é possível reduzir a dispersão de substâncias tóxicas que são prejudiciais tanto para a saúde humana, quanto para o meio ambiente.

Emissão do monóxido de carbono 10x abaixo do índice exigido por lei 

03. Durabilidade

Ao utilizar produtos de qualidade e duráveis, é possível reduzir consideravelmente os impactos ambientais. Por esse motivo, a Incepa desenvolve peças com ótima durabilidade e que permitem seu uso prolongado.

Assim,  garantem que elas não serão descartadas ou substituídas antes do tempo e evita-se prejuízos ao meio ambiente, como: desperdício de energia e água, escassez de recursos naturais e aumento das emissões de gases de efeito estufa para a atmosfera.

Confecção dos produtos Incepa

04. Extração responsável

Tanto a fábrica de Campo Largo quanto a de São Mateus do Sul foram estrategicamente posicionadas em regiões com abundância de matérias-primas e próximas à malha rodoviária, o que possibilita que  63% dos materiais utilizados na fabricação dos produtos sejam obtidos no Paraná.

Dessa forma, é possível uma conveniência econômica e ambiental. Tendo em vista que não é necessário o uso de meios de transporte que emitem gases poluentes.
Outra ação que merece destaque é que todas as jazidas são monitoradas durante a exploração e recuperadas após o uso, minimizando ao máximo o impacto da mineração no meio ambiente. Além disso, uma porcentagem da verba é disponibilizada para a recuperação ambiental e melhoramento das áreas mineradas.

Argila utilizada no processo de fabricação das peças

05. Fontes de energia limpa

Energia limpa é aquela gerada através de fontes renováveis e que não emitem poluentes prejudiciais ao meio ambiente, desempenhando um papel fundamental na construção de um mundo mais sustentável.

Sabendo da sua importância, 79% da energia utilizada pela Incepa é proveniente de fontes limpas. Além disso, os fornos e secadores da fábrica operam 100% com gás natural e, em duas unidades, possuem lâmpadas LED, que proporcionam economia energética de 15%.

Operação com gás natural

06. Controle dos resíduos

Com o objetivo de realizar o descarte correto e intensificar a reciclagem, a Incepa reutiliza os próprios resíduos gerados em seu processo fabril para a confecção de novas peças.

Após a queima, parte desses resíduos são destinados às pequenas indústrias cerâmicas ou cimenteiras da região, as quais os utilizam em seus processos internos.

Resíduos gerados na produção de pisos cerâmicos

07. Embalagem reciclável

Por fim, mas não menos importante, as embalagens são 100% recicláveis. Desde aquelas que envolvem o produto, até os pallets que servem como suporte, sendo esse último produzido com madeira de reflorestamento.

Embalagens 100% recicláveis

Para conhecer mais a fundo essas e outras iniciativas sustentáveis desenvolvidas pela Incepa, acesse o Relatório de Sustentabilidade.